domingo, 10 de setembro de 2017

Amanda Nunes vence por decisão dividida e mantém cinturão do UFC



Estrela principal da noite no UFC 215, evento realizado neste sábado (9), no Canadá, Amanda Nunes venceu sua segunda defesa de cinturão e manteve o título dos pesos-galos (61 kg). Diante de Valentina Shevchenko, a brasileira não rendeu o esperado, mas priorizou a tática e estratégia para garantir os pontos decisivos diante da grande rival e triunfar por decisão dividida dos jurados. Ao contrário do primeiro confronto entre elas, em março de 2016, que foi marcado pela agressividade e jogo franco, a disputa foi equilibrada em todos os rounds e decidida nos detalhes.
Melhor no início e no final, Amanda caiu de rendimento nos rounds intermediários, ouviu vaias da plateia mas manteve o plano. Revoltada, Valentina reclamou logo apos o anúncio. Garantindo que foi melhor ao longo dos cinco assaltos, a desafiante soltou o verbo: "Ela não venceu. Eu bati forte, venci os rounds, olha a cara dela. Ela está machucada e mesmo assim é a campeã. Eu vou vencer a próxima, quero de novo, não concordo com esse resultado", esbravejou. (Ag.Figth)
Compartilhar: Facebook Whatsapp Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

OTICA

OTICA

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

TOP 5 - VOZ DO LOBO

PUBLICIDADE

CURTA NOSSA PÁGINA