quinta-feira, 24 de agosto de 2017

Veja como limpar smartphone: 10 x mais sujo que banheiro



Certamente você já ouviu dizer que o smartphone da gente é bem sujinho. Mas não imaginaria que ele é tão contaminado quanto um banheiro!

Pesquisadores da Universidade de Tartu, na Estônia, encontraram em celulares de alunos do ensino médio mais de de 17.000 cópias de genes bacterianos. E pesquisadores da Universidade do Arizona, nos EUA, descobriram que os aparelhos carregam dez vezes mais bactérias do que um vaso sanitário.

A boa noticia é que dá pra desinfetar seu aparelho e é bem fácil. (veja abaixo).
Micróbios

Uma pesquisa da Deloitte, empresa de consultoria, mostra que os americanos pegam seus aparelhos pelo menos 47 vezes por dia quando estão a caminho de casa, no elevador, na mesa do trabalho, na mesa de jantar e inclusive no banheiro, o pior local para usar o smartphone.

Quando a descarga é acionada, os coliformes fecais se espalham para todos os lugares, inclusive o telefone.

“Levar um telefone celular para o banheiro é como não lavar as mãos depois de fazer as necessidades”, disse Emily Martin, professora de epidemiologia na Escola de Saúde Pública da Universidade de Michigan, nos Estados Unidos, à versão on-line da revista americana Time .

Formas de contaminação

A própria pele humana é naturalmente coberta de micro-organismos que, normalmente, não representam perigo à saúde. Esses micróbios, junto com a oleosidade da pele das mãos, são transferidos para o aparelho toda vez que mexemos nele.

Alguns estudos indicaram patógenos mais graves presentes nos celulares, como estreptococos (Streptococcus), MRSA (Staphylococcus aureus resistente à meticilina) e o E. coli (Escherichia coli).

Esses micro-organismos, segundo Susan Whittier, diretora de microbiologia clínica do Hospital Presbiteriano de Nova York, apesar de não serem capazes de deixar uma pessoa doente automaticamente, podem ser perigosos dentro do organismo.

Vírus também podem se espalhar pelo celular quando uma pessoa doente o utiliza e podem infectar outros possíveis usuários.

Como limpar o smartphone

Para uma limpeza completa especialistas recomendam fazer uma solução com 60% de água e 40% de álcool isopropílico – frequentemente utilizado na higienização de componentes eletrônicos.

Depois molhe um pouco o pano com a solução e limpe o telefone suavemente.

Para desinfetar o aparelho, limpe as superfícies uma vez por mês com tecido de microfibra.

Mas a melhor forma de evitar possíveis contágios é com a prevenção.

Lave as mãos e mantenha o aparelho longe de locais contaminantes…principalmente os banheiros.


Com informações da Veja

Compartilhar: Facebook Whatsapp Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

OTICA

OTICA

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

TOP 5 - VOZ DO LOBO

PUBLICIDADE

CURTA NOSSA PÁGINA